0

Saiba tudo sobre benchmarking na logística

 

Buscar constantemente a melhoria dos processos e a satisfação dos clientes é um dos objetivos que não pode ficar esquecido pelas empresas que desejam conquistar um maior mercado.

Acompanhar as tendências e avaliar a concorrência faz parte do cotidiano de toda corporação, independentemente de porte e segmento, e um dos diferenciais está na área de logística.

Mas, como saber se sua empresa está tomando as melhores decisões e aplicando os modelos mais adequados para atender ao mercado com qualidade?

Para entender essas questões, é possível contar com o benchmarking na logística.

Nesse artigo vamos apresentar esse conceito, sua importância e como ele deve ser realizado. Continue lendo e confira!

O que é benchmarking na logística?

Benchmarking é o processo de avaliação e comparação entre os processos utilizados por sua empresa e pela concorrência e líderes de mercado.

O benchmarking na logística é pesquisar e usar como referência as ações que fazem parte das empresas líderes e adaptá-las para a sua realidade.

Para isso, existem modelos a serem seguidos que poderão auxiliá-lo a adotar práticas de sucesso reconhecimento e tomadas como modelo de boa gestão.

Como aplicar na logística?

O que as empresas que são reconhecidas como referência de mercado estão fazendo para que seus processos logísticos tenham tanto sucesso?

Quais as práticas adotadas pelos grandes players de mercado?

Como adotar políticas semelhantes e adaptar à realidade da sua empresa?

Vamos conhecer os passos para a realização de um benchmarking na logística:

Análise interna

O primeiro passo é levantar quais são os maiores problemas atuais existentes na gestão de logística da sua empresa.

A realização de um mapeamento de todos os processos, com a avaliação de cada um deles, contribuirá para localizar os maiores furos e gargalos da área de logística.

Quais são os pontos de impasse, quais as prioridades e urgências que precisam ser avaliadas para a resolução de problemas?

Avalie todos os processos e anote os problemas, analise:

  • Entrada e saída de mercadorias;
  • Gestão de estoques;
  • Entregas;
  • Veículos;
  • Equipe de trabalho;
  • Tecnologia adotada.

Investigação externa

Conheça como a concorrência trabalha com relação aos problemas levantados na análise realizada.

Isso poderá ser feito a partir de conversas e entrevistas com fornecedores e clientes da empresa a ser analisada.

O site e as redes sociais desses concorrentes também podem fornecer informações interessantes a respeito.

A ideia não é a de copiar os processos, mas, sim, o de conhecê-los.

Análise dos dados coletados

A partir de todos os dados coletados, tanto no que se refere a análise interna como a investigação externa, o próximo passo é a realização de um trabalho comparativo.

Localize o problema que sua empresa possui e avalie a possibilidade de implantar um processo parecido com o da concorrência que os coloca como diferencial de mercado.

Vale avaliar:

  • Treinamento da equipe;
  • Contração de sistemas e tecnologia;
  • Ferramentas e práticas adotadas pela concorrência.

Planejamento

Analise se sua empresa tem condições de adotar o mesmo formato e faça os ajustes necessários, não esquecendo das particularidades que cada negócio possui e sem perder as características positivas do seu negócio.

Um plano de mudanças e de implantação de novas ferramentas exige muitos cuidados.

Por isso, o planejamento deve constar o que precisa ser realizado, os investimentos a serem efetuados e as mudanças estruturais que a área precisa.

Planeje e crie um cronograma de implantação, prepare a equipe para as mudanças e esteja pronto às resistências que sempre acontecem. Minimize esse problema envolvendo todos os colaboradores o máximo possível.

Ação

A partir de todo esse levantamento, é partir para ação com cautela e monitorando todo passo realizado.

Certamente reuniões precisarão ser realizadas e um trabalho de conscientização em busca de resultados terá que fazer parte dos processos.

Envolva os líderes e inicie a implantação o quanto antes. Conte com profissionais e empresas que podem colaborar com o sucesso do novo processo e, acima de tudo, assuma o projeto.

Agora que você conhece a respeito de benchmarking na logística, que tal ler também Como aumentar o desempenho em operações logísticas?

Compex Tecnologia

Compex Tecnologia

São mais de 17 anos de mercado, levando tecnologia a todo Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *