0

Como aplicar a logística integrada na minha empresa?

 

Aplicar a logística integrada nas empresas faz parte das ações de muitas corporações que pretendem controlar de forma completa todos os processos dessa importante área da empresa.

A visão da área de logística com sua integração passa a ser diferenciada, pois, ela se torna estratégica para a obtenção de resultados e do sucesso do empreendimento.

No entanto, para que essa estratégia possa realmente colaborar e alavancar negócios para a empresa, ela precisa conversar com os outros setores e com os clientes, fornecedores e prestadores de serviços.

Em resumo, as informações precisam estar à disposição dos envolvidos de forma clara, precisa e confiável.

Nesse artigo vamos mostrar como aplicar a logística integrada em sua empresa. Continue lendo e confira!

Como aplicar a logística integrada e ganhar qualidade?

O primeiro passo a ser dado para aplicar a logística integrada na empresa é uma avaliação a respeito das informações que são geradas nos mais diversos setores.

A comunicação entre os departamentos é indispensável para o alcance da integração logística.

Como exemplo, deve-se perguntar:

  1. A área de estoque consegue prever, através de informações em tempo real, que determinado produto está faltando na loja?
  2. Esse processo acontece de forma automática ou alguém da loja precisa solicitar a reposição de produtos?

Na logística integrada, informações atualizadas ficam disponíveis a todos os interessados e autorizados em acessá-las.

Três setores da logística são beneficiados com essa integração, conforme veremos a seguir:

01. Administração de materiais

A administração de materiais é a área que cuida do fluxo de insumos e matéria-prima para alimentação do chão de fábrica de uma indústria.

Já no comércio, é a responsável pelo suprimento de mercadorias nos pontos de vendas.

Para aplicar a logística integrada nessa área é necessário que a equipe responsável acompanhe e atenda com antecedência as carências da produção, como das lojas.

Através de sistemas e controles automatizados, esses profissionais são informados que precisam repor peças nas lojas ou encaminhar ao chão de fábrica determinada quantidade de insumos ou matéria-prima.

Antes mesmo da solicitação de reposição chegar aos responsáveis, estes já sabem o que precisa ser feito e estão prontos para atender as necessidades de maneira preventiva.

Essa área controla todo o fluxo de materiais da empresa, as necessidades de entradas para os estoques, o monitoramento das lojas e linhas de produção, além do reabastecimento.

Em resumo: é responsável por todo o processo por qual passam os produtos, desde a saída do fornecedor até a entrega do pedido ao cliente final.

02. Movimentação dos materiais

A área de movimentação dos materiais é a que efetivamente realiza os deslocamentos físicos de todos os produtos que circulam na empresa.

Essa área, para estar integrada à logística, também depende de soluções automatizadas e controles através de sistemas de gestão.

A partir das informações dispostas, realizam a movimentação e atualizam os sistemas.

Um exemplo é a leitura dos produtos que saem do estoque para serem utilizados na área de produção.

Os estoques são atualizados automaticamente a partir da leitura das mercadorias através de leitores de código de barras e são disponibilizados no local de destino.

Também é essa equipe que verifica se os produtos estão em condições de serem utilizados, separando os que apresentam problemas e atualizando as informações para as providências devidas.

03. Transporte e distribuição

As áreas de transporte e distribuição são as responsáveis pelo recebimento e expedição de mercadorias.

Estão envolvidas em aplicar a logística integrada na empresa, uma vez que são esses profissionais que conferem a entrada das mercadorias, fazem a armazenagem e registram sua disponibilidade no estoque.

Também fazem a separação dos pedidos e a preparação para a expedição.

Um sistema integrado de logística aponta imediatamente a falta de algum produto que tenha sido liberado para faturamento.

Portanto, os enganos e erros caem substancialmente, as trocas de mercadorias são escassas, em função da averiguação eletrônica dos pedidos.

Todo o transporte é rastreado e possíveis problemas são imediatamente reconhecidos, proporcionando ações que possam corrigir as não conformidades.

Como se observa, aplicar a logística integrada na empresa traz diferenciais que são valorizados pelo mercado.

Investir em logística integrada é diminuir custos, melhorar os serviços prestados, reduzir perdas e aumentar a lucratividade da operação.

Agora que você já sabe como aplicar a logística integrada na empresa, inscreva-se no blog para receber mais artigos como esse!

Compex Tecnologia

Compex Tecnologia

São mais de 17 anos de mercado, levando tecnologia a todo Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *